Quicksilver Pro France – Surf

O Quicksilver Pro France terminou este sábado na praia de Hossegor na França em condições épicas.

Durante o Quicksilver Pro France estiveram em competição os melhores do mundo recebidos por uma enorme multidão e condições para lá de excelentes. 

Para quem não conhece Hossegor é conhecido como um dos melhores beach breaks do mundo, e para quem não se sente confortável a surfar em rocha deve sem dúvida colocar este local no seu calendário de viagens.

Os Atletas tiveram uma prestação igualmente excelente, todos eles estiveram fantásticos e elevaram-se e procuram sempre as melhores ondas e manobras.

Decorreu ainda a prova Red Bull Airbourne.

O Red Bull Airbourne é uma prova que consiste em duas rondas e onde só pontuam as manobras aéreas, os atletas procuram voar e arriscar com as suas manobras.

Este tipo de prova foi impulsionado por Josh Kerr e é uma versão do surf mais aliada ao Skate. Podem ver no próximo vídeo um pouco da acção.

Jeremy Flores vence o Quicksilver Pro France

Este ano temos um novo campeão este é Jeremy Flores, o francês mostrou um surf monstruoso e guardou todo o seu melhor para nos mostrar na final contra Ítalo Ferreira.

A jogar em casa Jeremy foi impulsionado por todos os adeptos, e os seus fãs responderam da melhor forma apoiando-o ronda após ronda.

Quiksilver Pro Winner
Jeremy Flores vitorioso.

O único português em prova foi Frederico Morais que chegou ao Round 3 onde acabou por perder num duelo com o gigante Jordy Smith.

Fui um duelo muito peculiar onde Kikas esteve muito perto de vencer tivesse ele saído do tubo para a esquerda e passava a próxima fase, sendo que acabou por cair mesmo no fim ficou pela ronda 3.

Meo Ripcurl Pro em Peniche arranca a 16 de Outubro.

Fotos – WSL, Quicksilver e Rove

Youtube – Final Quicksilver Pro